segunda-feira, 12 de Maio de 2008

Chá de bonecas


De manhã aconteceu uma coisa que me aborreceu imenso; a ponto de perder a vontade de postar hoje. Tinha pensado escrever sobre outro tema, porém agora só me apetece falar sobre o "chá de bonecas” que organizei à minha filha. Como ela só tem primos queixa-se imenso por não ter amigas para brincar, então lembrei-me de lhe organizar um “chá de bonecas”, que era uma das minhas brincadeiras preferidas, quando criança. A Letícia adorou a ideia, e metemos mãos à obra. Fizemos as duas os convites ( vestidos em cartolina rosa, debruados a fita de seda e rendas, com o convite dentro do bolso) que ela levou para todas as meninas da sala dela, no Infantário. Só isso já alterou os ânimos por lá. No sábado fiz as compras dos refrigerantes, batatas fritas, salsichas cocktail, queijo e fiambre para as mini-sandes. Depois, entrei na cozinha para preparar aquelas coisas que todas as crianças gostam: gelatinas variadas, bolo de chocolate com calda de brigadeiro, coquinhos e muffins de baunilha.

No domingo de tarde as meninas começaram a chegar e cada uma ia sendo recebida pelas outras aos “ Viva a X!”, “Viva a Y!”, quase levadas em ombros para dentro! Cada menina trazia a sua boneca preferida, apresentavam-na e instalavam-na à mesa, para o chá. Entretanto, as donas das bonecas brincaram de tudo, baloiço, escorrega, bicicleta, trotinete, casinha, restaurante, supermercado, etc, sendo que trajar o vestido da Bela (Bela e o Monstro da Disney) foi a mais disputada das brincadeiras. A ponto de eu cronometrar o tempo de cada uma! As 9 meninas entenderam-se às mil maravilhas; depois do lanche brincaram mais um pouco e por voltas das 18h os pais começaram a chegar para levá-las. Todas pediram para ficar "mais um bocadinho, por favor!”.

Hoje fui levar a minha filha ao infantário e quando me baixei para lhe dar um beijo, umas mãozinhas agarraram o meu pescoço e deram-me um forte abraço. Virei o rosto e vi um sorriso iluminado. Rapidamente fiquei rodeada de meninas que me abraçavam e beijavam, para espanto das funcionárias.Com meiguice elas perguntavam-me quando poderiam vir cá para casa novamente. E eu tive que prometer que faríamos outro “chá de bonecas”.

Abraço é bom, mas abraço espontâneo de criança é o melhor de todos! Naquele momento as meninas retribuíram o meu trabalho com aquele abraço e, mais importante, no momento em que eu estava mesmo a precisar!

Claro que vamos ter outro “chá de bonecas”! Apesar da Internet, P.S.P. , Gameboy e Nintendo, as brincadeiras da minha infância continuam a encantar!

Tenha uma boa semana!

Nota: Se desejar imprimir os vestidos, e fazer o convite no verso, pode fazer download grátis no site  Sweetly Scrapped.